Marco António Costa
Marco António Costa - Facebook  Marco António Costa - Youtube
NEWSLETTER
 
Bookmark and Share
10.04.2012

Governo apresentará "até junho" plano de intervenção para crianças e jovens institucionalizados - Sec. Estado

Porto, 10 abr (Lusa) - O secretário de Estado da Segurança Social, Marco António Costa, anunciou hoje, no Porto, que o Governo "apresentará até junho" um plano de intervenção para crianças e jovens, em instituições de acolhimento.

O objetivo deste plano é permitir que os jovens institucionalizados consigam ter sucesso escolar e possam aceder ao mercado de trabalho de uma forma mais célere, segundo Marco António Costa que visitou, esta manhã, o Colégio do Barão de Nova Sintra, da Santa Casa da Misericórdia do Porto, onde se encontram crianças e jovens em situação de risco.


A propósito do relatório do Instituto de Segurança Social, divulgado na sexta-feira, o secretário de Estado afirmou que uma das matérias que preocupa o Governo se prende exatamente com os dados referentes à escolaridade, uma vez que o documento salienta uma tendência para o insucesso escolar a partir dos 11 anos de idade.


"Nós temos que baixar as taxas de insucesso escolar. Estes jovens têm que ser acompanhados", disse, acrescentando que a ideia deste plano é apresentar "soluções complementares" que permitam ao Estado cumprir a sua função de garantir o sucesso escolar a todos.
Marco António Costa adiantou também que esse plano pretende "encontrar soluções para que estes jovens tenham uma oportunidade de vida".


O objetivo é, em articulação com o Instituto de Emprego e Formação Profissional, dar um "tratamento preferencial" aos jovens institucionalizados que já pretendam "abraçar uma profissão".


"Nós temos a obrigação de tratar preferencialmente estes casos, para garantir o rápido enquadramento profissional, porque, além do mais, estes jovens não têm retaguarda familiar", justificou.


O secretário de Estado salientou ainda ser necessário "que todas as crianças tenham um projeto de vida", sendo para isso fundamental "focalizar uma intervenção mais atenta".


O número de crianças e jovens em instituições de acolhimento reduziu 27 por cento nos últimos seis anos, mas ainda assim o Estado tem ao seu cuidado perto de nove mil menores, a maioria adolescentes.


Segundo o Relatório de Caracterização Anual da Situação de Acolhimento das Crianças e Jovens, um total de 8938 crianças e jovens estavam em acolhimento em 2011 e, destas, 6826 já tinham entrado nas instituições em anos anteriores, enquanto 2112 iniciaram o acolhimento em 2011.


JAP/(GC).
Lusa/Fim.

« Retroceder | Imprimir | Topo da página

Marco António Costa na Tomada de Posse da nova Comissão Política do PSD de Vila Franca de Xira



Marco António Costas nas Conferências do PSD "Portugal no Rumo Certo - OE 2014"



«JANEIRO 2021»
DSTQQSS
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31
FAQS     PRIVACIDADE     RECOMENDAR SITE     LINKS     SUGESTÕES Powered by 4best 4best New Media Studio Marco António Costa © todos os direitos reservados.